quinta-feira, 3 de julho de 2008

Abramovich quer um jogador russo no Chelsea

Ele não é parvo nenhum, olhem quem ele quer!!! Quase que me podia levar para olheiro do Chelsea, só há um senão, eu para o Chelsea não levava um deles ;) Aceitam-se apostas ;)

Até já,

terça-feira, 1 de julho de 2008

... do Europeu

O campeão
Acabou o Euro, a verdade, é que nós estávamos todos ansiosos que acabasse! Ganhou sem dúvida a melhor equipa, nem sempre a melhor equipa ganha, mas desta vez a Espanha provou que realmente era a melhor, não perdeu nenhum jogo e no jogo que empatou com a Itália, mostrou que mesmo com todas as cautelas que se tem de ter numa competição deste género, mostrou que era a única a querer ganhar!
Deixo pois aqui os meus parabéns a nuestros hermanos, e deixo com prazer porque era por eles que eu torcia quando via a final. Foi uma vitória do futebol. Honestamente, não gostava que a Alemanha tivesse ganho e passo a explicar-me. A Alemanha apresentou um futebol de fraca qualidade, com excepção do primeiro jogo em que foram realmente dominadores e com uma qualidade de jogo que me impressionou, mas foi só mesmo nesse jogo, porque a partir daí, foi sempre uma equipa demasiado calculista e defensiva, entregando o jogo ao adversário e esperando pelo erro do adversário e claro, apostando forte nos lances de bola parada. Onde é que eu já visto isto ;) mas neste caso a Alemanha tinha mais potencial individual! Honestamente não sou adepto deste género de futebol, gosto do nosso, gosto do da Espanha e claro do holandês. Por isso queria que a Espanha levasse o caneco para casa e levou!

A Croácia e a Rússia
Não vi os jogos todos, que saudades do tempo em que eu podia devorar os jogos todos deste tipo de competições, mas como dizia, não vi os jogos todos, mas vi duas equipas que me surpreenderam, a Croácia e claro a Rússia, a primeira, como equipa, muito forte, individualmente, com grandes valores, não conhecia, mas percebo porque a Inglaterra não foi ao Europeu! Modric, que craque, que jogador fabuloso, impressionou-me, parece um veterano, mas só tem 22 anos, não esqueçam o nome dele, um verdadeiro box to box, precisão de passe, drible, posicionamento, aceleração de jogo ou pausa, verticalidade ou horizontalidade, parece que já sabe tudo, mas não, porque só ainda tem 22 anos!! Não tenho dúvidas, e o Tottenham, também não, mas vai ser por pouco tempo, vale um fininho? Quanto à segunda, vivia de uma excelente organização colectiva e claramente de três jogadores, Zhirkov, Arshavin e Pavlyuchenko (tive de copiar estes nomes da net que são difíceis), e se dúvidas existiam Aragonês tirou-as, colocou Silva na direita a tapar Zhirkov, montou a teia a Arshavin e claro, sem bola a chegar, Pavlyuchenko pouco podia fazer, era uma equipa com muita dinâmica, mas a dinâmica ofensiva passava muito por estes jogadores e também por Torbinski, que era complicado com espaço, mas com a Espanha, nem espaço, nem os artistas!

A revelação e a desilusão
Destaquei atrás Modric, mas a grande revelação do europeu foi Arshavin, meu deus, outro craque, como costumo dizer, o gajo parte tudo, a verdade, é que eu não conhecia, e quando ouvi que Guus Hiddink, tinha levado um jogador para o Europeu com dois jogos de castigo, pensei, eh pá este gajo tem de jogar muito se não ele não o levava! E não é que ele joga mesmo muito, que delicia vê-lo jogar naquele primeiro jogo contra a Suécia, meu deus, que capacidade de jogo ofensivo, que capacidade de transportar a bola, de partir para cima do adversário, de procurar espaços, de solicitar a bola e difícil, mesmo muito difícil, qualidade no último passe, cansou-me, extasiou-me com todo aquele futebol. Esperei ansiosamente pelo jogo da Holanda, confirmou, voltou a deitar, enrolar e a partir tudo novamente, pensei, não há dúvidas está encontrado o melhor jogador do Europeu, daí a minha revelação ir para Arshavin.
Agora a desilusão do Europeu, Cristiano Ronaldo, não, claro que não, a desilusão chama-se, adivinhem… Arshavin! Não me enganei, como diria um treinador meu “alguém viu o Nakata, onde está o Nakata?” eu pergunto alguém viu o Arshavin contra a Espanha, alguém viu?? Fogo, como é que um jogador que faz o que ele faz nos dois jogos anteriores, numa meia-final decidiu ficar no hotel, como é que é possível? Pois é, eu perguntava, como é que um jogador deste calibre ainda esta na Rússia com 27anos? Eu não conheço os jogadores todos, nem posso, mas os grandes clubes, bem, esses hoje, conhecem os jogadores medianos todos (eu cheguei a estar na lista do Barcelona;)) que fará não conhecerem os bons, logo, como é que Arshavin ainda só jogou no Zenith, como é que isso é possível, ele respondeu contra a Espanha, não tem capacidade mental para ser um jogador de topo, porque esses são constantes, não são de extremos, e por isso a minha revelação é ele, mas é também a minha desilusão.
Modric poderia ser a grande revelação para mim, mas ele foi constante e vai ser um craque, Arshavin conseguiu deixar-me doido com o que fez de fabuloso, fantástico, conquistou-me e depois…desiludiu-me, tenho pena, porque eu gosto de jogadores que partam, que partam muito, mas… que partam sempre e não quando lhes apetece. És grande Figo!
Oh jovem? Pera ai…Quantos são? Quatro? Jovem, tira quatro fininhos que isto já vai longo, e ainda não falei da Selecção ;)




A Selecção
Bem a Selecção, não vou falar muito dela, porque acho que se confirmaram as minhas expectativas do meu post anterior. Tivemos Deco, Pepe( este conseguiu fazer o torneio sem asneiras, ainda bem), João Moutinho e eu também gostei de Nuno Gomes, do resto, foi muito pouco para quem está numa competição fabulosa como o Europeu. Passamos com distinção a fase de grupos, mas veio a Alemanha e confirmou a máxima, o futebol são onze contra onze e no fim, ganha a Alemanha! Honestamente não gostei deles, vi o jogo com toda a atenção possível que o meu gosto pela Selecção me reserva para tal. Levamos um golo num lance rápido em que o Ricardo esteve mal, sim o Ricardo, devia de estar ao primeiro poste e não estava, ah, não é o guarda redes é o Ricardo Carvalho, se não, coitado, tinha culpa nos três golos! Pois é, eu discordo disso, mas já lá vamos. Livre lateral, muito bem executado e Klose na cara de Ricardo a fazer golo, outra vez o Ricardo, este gajo entrega-nos sempre, só uma questão, alguém viu o golo da Holanda contra a Rússia?? Viram?, Akinfeev, também esteve mal?? Não! Claro que não, Akinfeev não tinha hipóteses, o Ricardo sim, o Ricardo tinha de defender aquela bola a dois metros dele, e já agora, quem estava com o Klose, ah, têm razão era eu! Pumba estava o dois zero, mas reagimos Deco continuou e nós chegámos ao dois a um antes do intervalo, estava feito algo de importante para abordarmos a segunda parte com outra moral. E, assim foi, entramos muito bem na segunda parte, controlamos o jogo e eis que falta lateral, já fomos pensamos todos e fomos mesmo ;) aqui sim, Ricardo ou sai e rebenta com o Ballck ou fica quietinho na baliza, aqui sim esteve mal, mas pior que ele, de longe, esteve o árbitro nesse lance, acham que ele não viu o empurrão ao Paulo Ferreira, acham? Claro que viu, mas ninguém me tira a ideia que a Alemanha era a mais protegida e posso dar dois exemplos, porque é que o Schweinsteiger só levou um jogo por agressão e digam-me quantos lances de duvidosos viram o replay mais de duas vezes, pela UEFA, claro, eu digo-vos, nenhum! Mentira! Contra a Turquia, o Lham teve um lance à entrada da área, em que é falta sim senhor, mas o árbitro mandou jogar e deu o lance cinco ou seis vezes e em fases distintas do jogo, pode ser mau perder, mas que foi, lá isso foi!
A finalizar Portugal tinha um jogo aéreo fraco, Ricardo é fraco nisso, ninguém o pode negar, mas a Selecção não criou condições para termos um jogo aéreo melhor, ou menos fraco, nos lances de bola parada, mas não podemos dizer que a culpa é só do rapazinho!
Vamos ver quem vem aí para orientar a nossa Selecção e ver se para a próxima estamos lá!

Ufa! Já não me recordava de falar assim tanto tempo de futebol, com tantos e velhos amigos! Vai mais um fininho ;)

Até já,
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...